Depoimentos

Depoimentos

É uma honra poder falar um pouco sobre o #Mattics, que se alicerça no chão da escola pública, e colocar mais uma vez o processo de ensino e aprendizagem de matemática como ponto de pauta. Os milagres que fazemos lá são reais e são diários. Se por um lado é desafio, por outro, torna-se sem igual, mesmo pela contradição do sistema, fazer parte de um projeto que tem transformado realidades e lançado (em nível nacional e internacional) reflexão/mudanças quanto ao ensino de matemática amalgamado à programação e a robótica. É um privilégio caminhar ao lado de tanta gente boa e competente. Profissionais que pensam/pesquisam o ensino e a aprendizagem de matemática para além do currículo fragmentado/isolado e da redução sucessiva da avaliação estandardizada à escola. É na pesquisa, em diálogo com a universidade, que os campos entre programação e matemática começam a se sustentar pelo rigor científico e pedagógico do que fazemos lá. Não há receita e nem a procuramos. Escola é muito mais do que isso. É processo e é formação.
Greiton Toledo- Coordenador
Porque o trabalho foi premiado? “Além da temática relevante, o professor valoriza a atividade do sujeito na construção e apropriação de saberes matemáticos e computacionais. Ele apresenta aos alunos caminhos envolvendo a criação de jogos digitais para ensinar conceitos matemáticos . Nas etapas do projeto, há evidências claras de que uma série de conhecimentos matemáticos foram mobilizados para construir, em grupos e de forma conjunta, esses jogos digitais, sempre com a mediação pedagógica do professor. Os estudantes exploraram conteúdos que não costumam ser vistos no 6º ano, por exemplo, números negativos, sistema de coordenadas, desigualdade entre incógnitas, etc. Apesar disso, eles foram, aos poucos, compreendendo-os pela descoberta, pelos questionamentos e pelo processo de reflexão entre o significado e o conceito dos termos matemáticos aliados às estruturas computacionais, atuando de forma ativa e participativa.”
Saddo Ag AlmouloudPUC SP
Conheci o Mattics pela primeira vez pelo canal futura. E como professor de matemática sinto na sala de aula que aquela aula expositiva onde o professor fala e os alunos ouvem não gera curiosidade e motivação nos estudantes. Diante disso, comecei a buscar caminhos inovadores para o ensino de matemática. Hoje estou aprendendo muito com o Mattics. E logo espero dar aos meus alunos novos caminhos para aprender.
Dorgival Fidellis- Professor de Matemática
Participo do projeto Mattics desde sua  implantação na Escola Irmã Catarina Jardim Miranda, 2015, quando me aposentei na UFG. Atuei no projeto como pesquisadora voluntária, estive na vice-coordenação até julho de 2017,  atualmente estou como professora voluntária e no apoio dentro do que se fizer necessário. Estar no Mattics todos esses anos,  fez-me ver a relação da matemática com a programação para criar games de um modo bem claro e a arte de ensinar mais bela e mágica. As pesquisas que precisei fazer para participar do projeto, nos textos sugeridos pelo professor Greiton, os relatos de experiências que ouvi e vivenciei, tanto dos alunos e professores envolvidos, tornaram-me ainda mais, uma profissional reflexiva, crítica-investigadora, e desta forma,  pude concluir que  oferecer oportunidade ao professor de refletir a importância de validar suas propostas de ensino em relação ao aprendizado do aluno, me fez sentir-me realizada profissionalmente. Tenho muita gratidão por estar no projeto
Silmara Epifânia(Diretora Geral do Connect Math Ltda)
Conheci o Projeto Mattics por meio de um trabalho, em agosto de 2016 me falaram de um projeto realizado em uma escola municipal de Senador Canedo. Era jornalista da Prefeitura e fui fazer mais pauta de trabalho. O primeiro encontro foi de um professor sorridente ( Greiton Toledo) e após isso crianças motivadas. E o tema central era matemática, e em cada depoimento deles enxergava mais que fórmulas e números. Encantador, se via uma escola transformada, alunos cheio de esperanças e um meio impactador de transformação motivada pela a educação. Desde aquele dia saí daquela escola como um membro do Mattics, alguém que acreditava que é possível fazer da escola algo inovador, como matemática e games, alunos em transformadores sociais. O Mattics hoje representa mais que um trabalho, mas algo qual milito, sonho e vivencio sonhos.
Marcela Aires- Comunicação Mattics
O projeto Mattics me permitiu construir jogos digitais e aventurar pelos caminhos da matemática. Pensar como as coisas funcionam, que são os algoritmos, é um pouco difícil! É desafiador! Mas, é legal aprender… a gente tem que pensar, analisar e discutir para construir! Sempre gostei muito de matemática, mas, agora, com o projeto Mattics, está mais legal! A gente gosta muito!
Vitória SeccoAluna do projeto (Matticker)
O Mattics não é um projeto criado apenas para desenvolver nas crianças o gosto pela Matemática, ele tem o objetivo, através de suas temáticas, de formar o jovem a pensar como cidadão, aprender a viver em sociedade, a se colocar no lugar do próximo, pensando no futuro do planeta, ampliando e aprimorando o senso crítico.
Anny SilveiraMãe
É com imenso orgulho e satisfação que falo sobre o #Mattics#. Afinal, dentro dele vi e vivenciei lindos sorrisos e mentes brilhantes de crianças que elucidavam seus projetos num papel, projetando seus games com um professor sem limites, sem fronteiras para ensinar. Sou mãe de aluna do #Mattics# e afirmo convicta de que o projeto contribui de forma complexa e evidente na formação, interação e participação pessoal e social das crianças agregando junto a disciplina valores como o respeito, a responsabilidade, o comprometimento e o fazer por amor e com amor.
Sheila LineMãe de aluno
O projeto Mattics visa contribuir com a formação intelectual e humana de seus alunos. Ao ser inserido na área da saúde, o projeto propiciará uma vivência única com idosos portadores da Doença de Parkinson, promovendo melhor qualidade de vida aos mesmos e estimulando uma intensa troca de experiências entre ambos.O projeto nos leva ao engajamento com os novos e desafiadores rumos da educação no Brasil.
Bruna CândidoÁrea da saúde
Parabéns pela iniciativa do projeto. Quero agradecer a todos os envolvidos nesse trabalho, dizer que nossa contribuição na construção dos desenhos e na organização do estúdio de games do Mattics foi feita com enorme satisfação e cuidado. Penso que esse projeto é muito importante para nossas crianças e adultos. Todo esse processo de formação é fascinante. Afinal, conhecimento existe para ser passado e se o guardarmos, ele deixará de existir.  Felicitações a todos que contribuíram.
Alan Alves Artista Plástico